preloader

Descubra a diferença entre DevOps, DevSecOps e NetOps

Cada área de TI possui seus próprios termos e siglas. Muitas vezes seus significados costumam variar dependendo do profissional com quem você fala, devido ao seu background corporativo. Apesar disso, DevOps, DevSecOps e NetOps possuem suas particularidades que permitem diferenciação.
Às vezes, as siglas podem até se sobrepor, causando ainda mais confusão. Portanto, quando se trata de definições, é sempre interessante perguntar a uma variedade de pessoas, de diversas áreas de tecnologia, como elas definiriam estes termos.
Neste artigo, vamos explorar as diferenças básicas entre cada uma das abordagens e seus casos de uso. Boa leitura!

O que é NetOps?

Apesar de não ser um termo muito comum, à medida que a infraestrutura muda do foco do hardware para o software, ele começa a ficar mais em evidência. NetOps é a equipe que trabalha com princípios semelhantes e práticas padronizadas em modelos de infraestrutura resilientes.
Como a infraestrutura é o backbone silencioso de todas as operações de negócios, o escopo é um pouco mais amplo para incluir não apenas as equipes de infra, de operações e de tecnologia, mas também departamentos com diferentes necessidades de acessos e requisitos.
O NetOps inclui as equipes de segurança, de conformidade e gestão, de mudanças e muito mais. A ideia é que, como empresa, todos estão trabalhando juntos para criar uma solução mais segura e focada na privacidade.
O objetivo de todos os envolvidos é que a estrutura funcione de forma eficiente, com todos os requisitos para possibilitar que os consumidores desfrutem, da melhor maneira possível, de tecnologia de ponta.

O que é DevOps?

DevOps é uma combinação de práticas e ferramentas que ajudam uma organização a aumentar sua capacidade de evoluir e melhorar produtos de forma contínua e eficiente, bem como fornecer serviços de TI em alta velocidade.
É uma cultura que possui, essencialmente, uma equipe de desenvolvedores que projeta, constrói, implementa e mantém qualquer tipo de software. O objetivo é realizar esse trabalho com eficiência e de uma maneira que esteja alinhada com o padrão definido pela organização.
Por ser uma abordagem holística, a velocidade e segurança fazem parte dela e é a partir destes dois pilares que os desenvolvedores trabalham.

Como usamos DevOps?

Na Vertigo, utilizamos DevOps para habilitar a Transformação Digital nas empresas com as quais trabalhamos, afinal esta metodologia permite realizar entregas de modo muito mais ágil, seguro e colaborativo.
Com DevOps é possível obter novos processos, práticas e ferramentas que, aliados à automação de testes e entregas, resultam em equipes motivadas e aceleram mudanças de forma mais segura.
Saiba como adotamos DevOps em nossos projetos:

  • Pipelines de construção e entrega: trabalhamos para desenvolver pipelines de integração, entrega e implantação contínuas de aplicações, serviços e infraestrutura.
  • Migração para a nuvem: a infraestrutura e os serviços em nuvem oferecem escalabilidade e agilidade no provisionamento, assim como facilitam a manutenção de diversas aplicações.
  • Consultoria: a adoção de DevOps não se dá por “Big Bang”, tampouco depende de grande investimento inicial. A mudança de cultura, processos e ferramentas deve ser gradual.
  • Modernização de aplicação: o custo e esforço de manutenção são reduzidos. Processos e ferramentas evoluem enquanto mantém o legado que sustenta o negócio.

 

Benefícios de DevOps

  • Novos projetos em produção de forma mais rápida;
  • Redução de custos com manutenção;
  • Modernização de sistemas legados;
  • Fácil migração para nuvem;
  • Quebra do monólito para orientação a serviços;
  • Estruturação para microsserviços.

 

O que é DevSecOps?

DevSecOps significa incorporar segurança à agilidade do DevOps, desde o  início do ciclo de vida do desenvolvimento de software, para que o valor do negócio seja entregue com o menor risco.
Nesta abordagem, as equipes de desenvolvimento realizam as melhores práticas de segurança com o objetivo de criar software resiliente para os consumidores. Todas as soluções devem incluir segurança e privacidade desde o início para serem consideradas holísticas e inclusivas.
Criar algo diferente disso não atende de maneira adequada aos requisitos e necessidades da era digital. Afinal, é preciso respeitar as informações confidenciais às quais as equipes têm acesso através do software.

Como usamos DevSecOps?

Para obter mais segurança em nuvem utilizamos o Hashicorp Vault em nossos projetos. Com essa solução, sua organização consegue realizar proteção avançada, criptografia de dados e gestão completa de segredos. Afinal, a cultura DevSecOps coloca a prática de segurança em todos os estágios do processo para garantir um fluxo seguro e tranquilo, de ponta a ponta.
A implementação do Vault tem objetivo de promover a segurança contínua e reduzir as vulnerabilidades lançadas no ambiente de produção. Há criação de armazenamento e controle rígido de acesso, além de chaves de criptografia para proteção de segredos e outros dados confidenciais.
Saiba como adotamos DevSecOps em nossos projetos:
Gestão de segredos e proteção: os dados das aplicações se mantêm seguros com armazenamento, acesso e distribuição de segredos dinâmicos de maneira centralizada. 
Segurança com qualquer identidade: é possibilitado o uso de qualquer provedor de identidade confiável. Afinal, esta é independente de escala, não exige regras de firewall complexas e atualizações frequentes.
Integração: são solicitados segredos para qualquer sistema através de um fluxo de trabalho consistente, auditado e seguro. É possível oferecer suporte a nuvens públicas, data centers privados e uma ampla variedade de sistemas de endpoint.
API-driven: a automação e o uso de CI/CD são habilitados através do uso de APIs enquanto é preparada a política para codificação, proteção e controle do acesso a segredos.

Benefícios de DevSecOps

  • Compartilhamento da responsabilidade entre operações e desenvolvimento;
  • Ciclos de desenvolvimento curtos e frequentes com velocidade e escala;
  • Segurança e infraestrutura contínuas e integradas desde o build;
  • Automatização de políticas de segurança como responsabilidade integrada.

 

Conclusão

Não importa quais termos você use ou qual a equipe você faz parte, é mandatório incorporar, desde o início, uma prática padrão para inclusão, operações, políticas, procedimentos, privacidade e segurança.
Por que isso é vital? Se você estiver criando software, ou mesmo implantações de infraestrutura, é necessário ajudar os sistemas e serviços a atingir os objetivos desejados e continuar fornecendo soluções durante todo seu ciclo de vida. Portanto, é importante aproveitar a segurança, privacidade e padronização para obter resiliência.
Sabendo disso, o que você está esperando para transformar radicalmente sua TI Corporativa em uma aceleradora de inovações e principal catalisadora de mudanças? Conheça nosso método de modernização que acelera o desenvolvimento e lançamento de soluções e simplifica sua sustentação.
Além de parceiros oficiais e representantes da Hashicorp no Brasil, temos uma esteira completa de soluções DevOps para cada momento da sua Transformação Digital. Fale com um de nossos especialistas para descobrir qual a solução mais adequada para o seu desafio atual.

 

Avalie o nível de adoção e maturidade DevOps na sua empresa e entenda os pontos fortes, fracos, lacunas e oportunidades de aprimoramento.

Preencha o formulário para conversar com os nossos especialistas e saber como esses métodos podem ajudar a sua empresa chegar ao sucesso.


Author avatar
Marketing Vertigo