DevOps – Os Benefícios de uma esteira de entregas contínuas

esteira-de-entregas-devops

“O mais rápido possível, de forma eficiente e segura! ”, isso te lembra alguma coisa? Profissionais de TI estão acostumados com essa frase. Segundo o levantamento da State of DevOps de 2018, a maior motivação para adoção de DevOps é necessidade de melhorar qualidade e performance de aplicações. Para cumprir estes desafios,
sem perder agilidade no desenvolvimento, é evidente a necessidade de adotar uma
esteira de entregas contínuas(pipeline).

Metodologias ágeis como DevOps, aliadas a ferramentas como Docker, ajudam a produzir uma esteira de entregas contínuas inerentemente portável e simpática à adoção de qualquer nova tecnologia ou linguagem de programação. Esse conjunto de procedimentos otimiza os departamentos de tecnologia das empresas, que são constantemente cobrados, de um lado por demandas por atualização dos sistemas , e de outro por estabilidade e disponibilidade desses ambientes.

Esse artigo vai te mostrar o tempo e performance que sua empresa está perdendo não implementando esta disciplina de trabalho. Ao longo do nosso conteúdo apresentaremos benefícios que podem impactar de forma muito positiva seu negócio e capacidade de inovação. Para saber tudo isto continue lendo.

A Right Scale – empresa de consultoria em TI – aponta o uso de tecnologias que otimizam o desenvolvimento de aplicação. O estudo aponta que a adoção de Docker cresceu 40%, em 2017, em relação ao ano anterior. Do total de entrevistados pela pesquisa, 96% utilizam algum tipo de nuvem. Os dados apontam uma movimentação do setor tecnológico para operar de uma maneira moderna. Ao que parece, a velha TI finalmente vem sendo abandonada. O gráfico abaixo mostra as motivações de empresas para a adoção de DevOps. 

Benefícios de devops

A TI tradicional, burocrática e de alto custo, começa a dar lugar para formas mais rápidas, menos custosas e mais agradáveis de trabalhar. Como o gráfico acima demonstra, são várias dores que são sanadas com a adoção de DevOps. Essa maneira compreende um conjunto de práticas que, quando atuam em conjunto, são surpreendentes para toda a empresa e não apenas aos profissionais de tecnológica. Veja estes benefícios abaixo e surpreenda-se.

Economia de Custos

Você sabia que 80% dos investimentos em TI são para infraestrutura? É o que afirma a pesquisa “The Cost of Retaining Aging IT Infrastructure”, da consultoria IDC. Como falamos no início deste texto, o uso de nuvem vem aumentando exponencialmente. Isso não é por acaso.

Empresas têm conseguido economias expressivas de recursos rodando suas aplicações em nuvem. Os contêineres foram uma verdadeira mão na roda tanto para modernizar a entrega e manutenção de aplicações legadas quanto para conceber novos projetos de forma mais criativa e produtiva. Com eles é possível rodar aplicações em ambientes estáveis e previsíveis em qualquer cenário. Isso simplifica e barateia enormemente estratégias de adoção de nuvem.

A economia de recursos acontece porque a automação de etapas, ao longo do processo de construção, testes e entrega de aplicações, faz uso dos mesmos mecanismos de provisionamento concebidos pela equipe do projeto (contêineres). Contêineres representam um grau de soberania e previsibilidade inéditos para equipes de projetos. Com eles todas as etapas da esteira de entregas têm comportamento previsível, reduzindo muitos dos custos e problemas que normalmente acompanham o desenvolvimento.

A automação dos processos de criação, implementação, teste e liberação, reduzem o custo de execução dessas atividades, permitindo até que ocorram sob demanda, e não em intervalos programados. Isso permite uma colaboração eficaz entre desenvolvedores, testadores e administradores de sistemas.

Velocidade de teste e implantações

Lembra do início do texto, “o mais rápido possível, de forma eficiente e segura!”? Pois é. Empresas como Netflix, Microsoft, Spotify já conhecem isso de longa data. Isso é possibilitado por processos automatizados de implantação e controle de versão para gerenciamento de infraestrutura.

Alguns estudos apontam que organizações passaram a distribuir códigos 30 vezes mais rápido, concluindo
implantações em até 8.000 vezes mais rápido. Não é exagero – uma TI tradicional é realmente morosa. Com o ferramental adequado, com orquestradores e provisionamento operados por uma boa equipe é perfeitamente
possível.

Outro fato é a redução no tempo de implantação em 50% com falha. Isso ocorre porque tudo é constantemente testado em ambientes de integração/entrega contínua, como o Jenkins. Há também restauração dos serviços 12 vezes mais rápido do que em ambientes tradicionais.

Fortalecimento de cultura corporativa

Como você já sabe, DevOps proporciona integração entre as equipes de desenvolvimento e operações. Historicamente esses são silos tecnológicos que são muito conflitantes e causam mútuo atrito constantemente. Um quer promover alterações e o outro quer manter o ambiente estável.

Um relatório elaborado pela Puppet Labs, IT Revolution Press e a ThoughtWorks, aponta que a esteira de entregas contínuas promovida pelas práticas de DevOps auxilia no bom fluxo de informações, colaboração interfuncional, responsabilidades compartilhadas, maior aprendizado com as falhas e incentivo de novas ideias. A forma integrada de trabalhar garante um ganho organizacional impressionante.

Sistemas mais confiáveis e resilientes

 

Com DevOps não existe tiro no escuro. Ferramentas como Gitlab e Jenkins são essenciais para o processo. O Gitlab é um sistema muito utilizado para controle de versão, semelhante ao Github. Ele permite a criação de múltiplas versões de código, fazendo comparações e adicionando alterações. Já o Jenkins e o Gitlab-CI são
ferramentas de integração contínua que permitem gerenciar ações e criar processos
automatizados.

Essas ferramentas podem que cada projeto defina um pipeline no qual seja possível definir uma sequência de ações que precisam ser executadas para que a aplicação seja posta em produção após construção e testes bem-sucedidos. Isso garante grande segurança operacional para todo o processo, principalmente na identificação prévia e resolução rápida de problemas.

Conclusão

Se você chegou até aqui é bem provável que você esteja maravilhado com as vantagens que DevOps oferece. Você identificou alguma vantagem que seria ideal para o cenário
da sua empresa?

Como dissemos, diversas empresas estão adotando tecnologias que propiciem uma esteira de entregas contínuas. Esse modelo de atuação é essencial para ser uma empresa moderna e apta às novas formas de negócios. Aqui na Vertigo Tecnologia oferecemos uma metodologia de Modernização da TI Corporativa pela implantação de DevOps e Docker. Esta metodologia certamente aborda os aspectos indispensáveis de cultura, processos e ferramentas, mas é sobretudo bastante pragmática para que o processo de inovação seja auto-financiado (“self-funding innovation”).

O aprendizado não precisa terminar por aqui! Docker é uma ferramenta importantíssima para a implantação da prática DevOps! Em nosso material você confere o resultado da utilização de Docker em diversas empresas ao redor do mundo! Basta clicar na imagem para baixar o seu material.

Cases Extraordinários da Dockercon 2018

 

Até mais!