Posts Tagged ‘Vertigo’

7 Passos para criar uma API confiável

7 Passos para criar uma API confiável A criação da API (Application Programming Interface) está se tornando cada vez mais importante para geração e escalabilidade de novos negócios. Ela é importante tanto para o pessoal de TI quanto para o pessoal de Business. Isto porque seja na sua vida profissional ou pessoal, você muito provavelmente consome algumas APIs por dia. E nesse cenário, ter interfaces problemáticas, confusas ou pouco intuitivas (tanto da perspectiva de programação quanto gráfica) podem acabar prejudicando a experiência dessas pessoas e, consequentemente, prejudicando a usabilidade e escalabilidade desse tipo de serviço, sem falar na questão da reputação. No post de hoje vamos trazer 7 dicas de como montar uma API confiável e fazer um bom trabalho para seu cliente, aproveite para ler: API pública ou privada, como escolher?

Leia mais


Halloween na Vertigo

IMG-20151030-WA0025 Fala Pessoal, Para finalizar o mês de Outubro com chave de ouro, estamos comemorando o aniversário de um dos nossos colaboradores com tema Halloween, sempre bom aproveitar a ocasião para reunir a equipe e criar um clima de confraternização! IMG-20151030-WA0023 O mais importante é que a nossa sala de reunião ficou assim, no tema de Halloween também! Tão importante quanto saber trabalhar, é saber descontrair! Para ficar por dentro do que rola na Vertigo, é fácil, é só continuar acompanhando tudo pelo Blog. Aproveite para se cadastrar na nossa lista de envio de novidades. Vamos te comunicar sobre o que rola de importante no Mundo das APIs ou Portal & Intranet e sobre as novidades da empresa também!

Leia mais


Outubro Rosa na Vertigo Tecnologia

Vertigo-Outubro-Rosa Olá pessoal, tudo bem? Nesse post não vamos falar sobre TI, vamos falar sobre saúde. Sendo mais específico, sobre o movimento Outubro Rosa, que é comemorado em todo o mundo e que não ia ser diferente na Vertigo. Tão importante quanto comemorar essa data, é lembrar do real objetivo dessa ação! O nome remete à cor do laço rosa que simboliza, mundialmente, a luta contra o câncer de mama. Empresas, Governos e a população é estimulada a participação dessa data e a falar sobre o assunto. Este movimento começou nos Estados Unidos, onde vários Estados tinham ações isoladas referentes ao câncer de mama e ou mamografia no mês de outubro, posteriormente com a aprovação do Congresso Americano o mês de Outubro se tornou o mês nacional (americano) de prevenção do câncer de mama.
IMG_20151029_115241400

Uma parte dos colaboradores da Vertigo Tecnologia

Como a Vertigo é uma empresa que possuiu mulheres fantásticas por perto, pois existem as esposas, mães, namoradas, irmãs, amigas e por ai vai. Não queremos que essa data passe em branco, então leia sobre o tema e converse com elas sobre isso!
Destacamos 12 direitos pouco divulgados para as pacientes diagnosticadas com o Câncer de Mama: Diagnóstico e Tratamento do Câncer no Sistema Único de Saúde – SUS. A paciente receberá, gratuitamente, no Sistema Único de Saúde (SUS), todos os tratamentos necessários. Cirurgia reconstrutora da mama feita no SUS ou por Plano/Seguro Privado. Tratamento da doença, medicamentos e material hospitalar nos planos ou seguros privados de saúde.
Resgate do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço – FGTS. A Lei n° 8.036/90 que instituiu o FGTS, em seu artigo 20, inciso XI, permite que trabalhadores ou qualquer de seus dependentes acometidos pelo Câncer de mama possam efetuar o saque do valor referente ao FGTS. Resgate do PIS/PASEP. No caso do titular da conta do PIS/PASEP, ou qualquer um dos seus dependentes, estar acometido de Câncer de mama, a Resolução CD/PIS-PASEP autoriza o resgate dos valores depositados. Auxílio Doença. pelo INSS Aposentadoria por invalidez Amparo Assistencial. Esse benefício previdenciário é popularmente conhecido por LOAS (Lei Orgânica de Assistência Social) ou BPC (Benefício de Prestação Continuada), está inserido na Lei n° 8.742/93. Isenção do pagamento do IPVA. Isenção do Imposto de Renda. Transporte Público Gratuito. Isenção no pagamento de IPI na compra de veículo adaptado. Vamos divulgar, colaborar com a causa e cuidar das nossas queridas mulheres. Desde já queremos deixar claro que estamos juntos nessa campanha!

Leia mais


Liferay, líder em portais horizontais pelo sexto ano!

Liferay-Post Somos parceiros da Liferay e temos o prazer de comunicar que pelo sexto ano consecutivo, a Liferay foi nomeada líder dentro do Quadrante Mágico 2015 para Portais Horizontais do Gartner, que é uma consultoria respeitada no mundo todo. A Liferay é a única empresa de código aberto a aparecer no quadrante superior, tanto para visão quanto para capacidade de execução. O Gartner relata que uma transformação está acontecendo para portais horizontais, agora esse tipo de sistemas está sendo projetado para ser o ponto central de acesso para as experiências digitais do usuário, mas de forma personalizada. A Liferay continua a construir e aperfeiçoar Liferay Portal, que é o seu principal produto, pois a intenção é a de fornecer uma plataforma enterprise-ready escalável para a criação da experiência personalizada do usuário. Veja abaixo como ficou o quadrante mágico, para portal horizontal, no ano de 2015: Quadrante Mágico do Gartner para portal horizontal no ano de 2015. Compreenda por que a Gartner elegeu a Liferay como uma das empresas líderes no Quadrante Mágico de Portais Horizontais, baseando-se nos critérios de Abrangência de Visão e Capacidade de Execução. Além disso, obtenha uma visão geral das 13 principais companhias no mercado de portais e um conhecimento mais aprofundado sobre as tendências-chave através do relatório. Está pensando em adotar uma ferramenta de portal? Veja o que o Gartner fala sobre 13 ferramentas de Portal. Obtenha gratuitamente sua versão do Quadrante Mágico de Portais Horizontais da Gartner, aproveite para deixar um comentário e entre em contato conosco!

Leia mais


O que é API? Entenda de uma maneira simples

191-931-1377004443

Ao entrar no mundo dos negócios digitais, muitos empreendedores podem se deparar com um questionamento extremamente comum, e que pode ser fruto tanto da influência das ferramentas no mercado quanto fruto de desinformação, mas entender o que são APIs e o modo como elas funcionam, é essencial em um mundo como o de hoje.

Para entender o que são as APIs, é necessário entender que os aplicativos como conhecemos hoje só são possíveis pela evolução de diversos tipos de sistemas e ferramentas, incluindo as mesmas. Elas também atendem pelo nome de Interface de Programação de Aplicações.

Os aplicativos e os softwares de diversos tipos são apenas passíveis de construção por meio dos padrões e especificações disponibilizados pelas APIs, que fazem com que o funcionamento das funcionalidades aconteçam apenas na parte interna (e invisível) dos aplicativos – o que significa que o usuário não conseguirá vê-las sendo executadas.

É possível dizer também que é graças às ferramentas disponibilizadas pelo uso das APIs que os desenvolvedores podem conectar aplicativos uns aos outros, bem como fazer com que funcionalidades e ferramentas específicas de determinados aplicativos sejam utilizados em outros sem qualquer dificuldade.

Entenda um pouco mais sobre a utilização das APIs

Para que você consiga entender melhor, uma maneira de conseguir analisar o funcionamento das APIs é olhar para o exemplo dos sites de compras online que disponibilizam diversas formas de pagamento, incluindo, e principalmente, dando prioridade para aquelas que utilizam os cartões como métodos de pagamento.

Ao permitir que as APIs funcionem dentro de um site de e-commerce, seu funcionamento irá permitir a utilização dos serviços que envolvem o banco e a operadora que fornece os serviços do cartão, que irá trabalhar de forma a receber os dados, fazer com que eles sejam confirmados com segurança e tranquilidade, além de praticidade e rapidez, para o usuário, sem que ele ao menos perceba que esse processo está sendo realizado.

Um dos fatores que precisam ser destacados ao falar sobre as APIs é a facilidade e tranquilidade com as quais as mesmas executam os processos automatizados, ou seja, livres de contato com os seres humanos: possibilitam a realização de diversos tipos de atividades sem que seja necessário que alguma pessoa trabalhe para aquilo, apenas por meio da integração possibilitada pelo software.

Um dos objetivos das empresas, conforme o mercado se atualiza e mais características tecnológicas são adicionadas aos seus funcionamentos, é otimizar cada vez mais seus processos de produção e transformar os serviços em atividades extremamente fáceis de serem realizadas por softwares e computadores – e isso se torna muito mais fácil com a utilização das APIs.

Onde você pode encontrar a utilização das APIs em seu cotidiano

A maioria das pessoas atualmente utiliza as funcionalidades proporcionadas pelas APIs diariamente e não faz a mínima ideia de que isso está acontecendo. Porém, você poderá encontrar alguns dos locais onde ela atua: já sabe quando utilizar o serviço de mapa do Google em algum dos seus aplicativos?

Pois é, o Google fornece uma parte de seu código utilizado na criação do aplicativo Google Maps, para que ele seja utilizado e incorporado em sites de terceiros, que poderão utilizar a ferramenta em seus negócios e obter os benefícios que ela proporciona – sendo muito comum em sites de empresas do ramo da hotelaria e de transporte.

Para os usuários que não viajam ou se locomovem muito, é possível encontrar um exemplo da utilização de APIs se tornando cada vez mais comum pelo fato de que, na maioria das vezes, quando entramos em algum site novo e que deseja interagir de forma a coletar nossos dados pessoais – oras, a maioria deles querem – acabam por proporcionar a nós, meros usuários, a facilidade de conectarmos com a rede social de nossa preferência.

O que muita gente não sabe, é que estamos utilizando as redes sociais como uma forma de prover ao site todas as informações pessoais que já estivermos utilizando nas mesmas. Ou seja, isso funciona como uma maneira de otimizar o tempo do usuário na hora de oferecer a ele a experiência com sua marca.

Ao otimizar o tempo de navegação de seu usuário em seu site e permitir que o mesmo possa oferecer todos os seus dados pessoais por meio do login realizado com as informações de uma rede social, o aplicativo terá acesso ao cadastro previamente preenchido pelo usuário ao se tornar membro dessa rede – ou seja, ele não precisa ficar preenchendo mais de um formulário online cada vez que quiser se inscrever em algo.

Um dos fatores que eleva a utilização das APIs no mercado atualmente é a facilidade que elas proporcionam para que o usuário tenha uma melhor experiência em relação aos serviços da marca: a facilidade nos processos é um ponto muito importante, e que, ao ser otimizado, representa uma enorme vantagem para as empresas.

Conheça algumas das vantagens competitivas que a utilização de APIs proporciona para sua empresa

É preciso ter em mente que, a proposta central da criação das APIs foi a de fornecer aos usuários e desenvolvedores de software a facilidade na hora da integração de aplicativos, bem como a facilidade para que os próprios usuários pudessem lidar com ela diariamente sem ao menos se darem conta.

Elas foram criadas com o objetivo primário de revolucionar a maneira como as empresas e usuários mantinham suas relações no ambiente digital, fazendo com que fosse muito mais fácil para os representantes das áreas comerciais conseguissem adquirir diversos tipos de informações, bem como compartilhassem e gerenciassem as mesmas.

Portanto, uma das vantagens principais da utilização de APIs é o fato de conseguir olhar para seus negócios e gerenciá-los de modo muito mais otimizado e produtivo, feito possível por meio dos inúmeros dados e estatísticas coletados ao longo da experiência de navegação dos usuários.

A inserção das APIs nos sites e aplicativos de diversos nichos de mercado fazem com que seja extremamente mais fácil coletar e armazenar informações a respeito dos públicos específicos para cada um dos mesmos, de forma simples, prática, e extremamente funcional, de facílimo acesso para os negócios – sempre mantendo totalmente a segurança e a estabilidade em sua execução.

Os negócios também podem ser incrivelmente melhorados com a ajuda das APIs, fazendo com que as suas ferramentas possam ser utilizadas para conseguir gerenciar e analisar as estatísticas e os dados da empresa de forma muito mais fácil e prática.

A maioria das APIs consegue realizar a criação e disponibilização de relatórios a partir da análise automatizada dos dados da empresa, garantindo a otimização dos recursos e melhoria do tempo em que seria necessário para a produção de forma tradicional desses mesmos relatórios, fornecendo uma vantagem competitiva para essas empresas.

Elas também são extremamente úteis para a melhoria do gerenciamento financeiro e das ferramentas utilizadas para manter maior controle da situação que envolve o manejo das áreas todas da empresa, proporcionando tanto a criação de relatórios em todas elas, quanto o domínio sobre as informações específicas que se encontram em cada setor.

Melhoria na hora de entregar uma experiência relevante para os usuários

Ao inserir as APIs em seus aplicativos e sites, sua empresa pode inclusive medir o nível de satisfação dos usuários e consumidores antes e após a realização da integração dos aplicativos com a ferramenta.

É extremamente mais fácil tanto inserir atividades que agregam valor à experiência de usuário, como a utilização de mapas para conseguir se locomover, quanto conseguir gerenciar o impacto que as mesmas realizam sobre as vendas e sobre a imagem que o consumidor constrói da empresa.

Um dos exemplos que podem ser citados na hora de falar sobre empresas que proporcionam uma ótima experiência para o usuário, pode ser encontrado naquelas que utilizam as APIs para proporcionar serviços melhores e de acordo com as necessidades dos clientes, como a Gol e outras linhas aéreas.

Essas linhas aéreas realizam a inserção de APIs em seus aplicativos para poderem adquirir também informações que são fornecidas pelos usuários em relação à suas preferências por hotéis, os locais para onde deseja viajar, qual a faixa de preço que pretende pagar, bem como diversos outros fatores que são obtidos por meio da navegação desses mesmos usuários.

Isso pode ser realizado por meio das parcerias, que são extremamente benéficas a partir da interação das APIs em aplicativos. Elas podem ser realizadas a partir de empresas que possuem o nicho de mercado em comum e não sejam concorrentes, como empresas de hotelaria e a Gol, proporcionando o melhor ganho possível para ambas.

Ao se deparar com a facilidade envolvida na hora de fazer seu cadastro, sem a necessidade de inserir mais informações e despender de um tempo muito maior para a sua relação com a empresa, bem como com o bônus de conseguir obter inúmeros benefícios dentro de sua navegação, os usuários passam a construir uma imagem muito mais positiva das empresas, possibilitando, inclusive, maiores números de conversões em vendas para os negócios.

A personalização também é um dos fatores que torna a utilização de APIs essencial para qualquer negócio que tenha intenção de sobreviver no mercado digital atualmente: com os dados recolhidos dos usuários, se torna extremamente mais fácil oferecer a ele as informações, produtos e serviços cujos quais ele já procura, pelos quais tem mais interesse.

Isso se dá pelo fato de que as APIs conseguem fornecer a criação de um perfil de usuário baseado nas interações que os mesmos realizam na web, entrando em contato com seus hábitos de consumo, suas preferências, bem como as maneiras pelas quais o usuário realiza seus serviços de compra – tornando extremamente mais fácil para que as empresas consigam atender todas as demandas com qualidade e excelência.

Otimização dos negócios como um todo

Inserir as APIs em qualquer tipo de negócio pode promover o impulsionamento das vendas e garantir a satisfação do consumidor – tanto o que consome os produtos finais quanto o consumidor das técnicas internas de atuação das empresas, os próprios funcionários.

De acordo com as diversas vantagens associadas à implementação de tecnologias que permitem a integração dos diversos tipos de aplicativos que fornecem serviços, dados e estatísticas para as empresas, é possível melhorar de forma exponencial a atuação das empresas em relação a seus nichos de mercado.

É possível analisar de acordo com estudos e estatísticas do mercado que a implementação de estratégias tecnológicas e que possibilitam a integração das empresas por meio das aplicações e a obtenção de resultados com mais facilidades, fazem com que o número de rotação de funcionários seja menor.

Ou seja, utilizando as APIs é possível manter todas as etapas envolvidas no mercado com níveis mais altos de satisfação, utilizando os benefícios que a automatização de diversos processos proporciona para os negócios.

Conclusão – o uso de APIs tem inúmeros benefícios a serem descobertos

É possível otimizar de forma muito significativa as relações empresariais ao utilizar as APIs em seus negócios, pois além de permitirem uma ótima interação com ferramentas incríveis que proporcionam ao usuário uma experiência de navegação muito mais interessante em suas plataformas, é possível obter ainda mais amplamente uma noção da configuração do comportamento de público em relação a elas.

É possível também expandir a visão de negócios de seu mercado por meio da obtenção de dados e estatísticas que não poderiam ser obtidos sem que fosse possível implementar as APIs em suas plataformas, fazendo com que seja extremamente mais fácil analisar o comportamento do público em relação à seus investimentos e estratégias aplicados como motivações para interação com a marca.

Como mencionado, o uso das APIs pode também fortalecer as relações entre companhias e possibilitar melhores resultados para ambas, se tornando uma ótima possibilidade de negócios e fortalecimento de marca, bem como da possibilidade de benefícios para o consumidor final por meio das parcerias realizadas: por exemplo, a obtenção de bônus de uma empresa ao comprar o serviço de outra, em relação ao ramo da hotelaria.

De maneira geral as APIs representam ótimos investimentos e as empresas que desejam se manter atualizadas no mercado precisam estar cada vez mais se atualizando e obtendo os benefícios proporcionados por essas ferramentas, que as colocam à frente do mercado.

 

Leia mais


O que você precisa saber sobre Saas?

O que você precisa saber sobre Saas

Mesmo que a sigla SaaS não seja muito familiar para você, é bem possível que já tenha usado algum serviço dessa natureza — se sua empresa usa Office 365, Google Apps, Salesforce, Dropbox ou algo nessa linha, você já tem experiência com o modelo. SaaS é a sigla para Software as a Service (em livre tradução, software como serviço), e refere-se a softwares que, hospedados na nuvem, são oferecidos por provedores em modalidade de aluguel ou assinatura. Isso significa, em outras palavras, que a empresa não precisa mais comprar e instalar um software no computador: basta acessar a URL do serviço através de web browsers e pronto! Tudo o que precisa ter para isso é conexão à internet.

Assim, o serviço torna-se disponível através de qualquer dispositivo, do desktop ao smartphone — bastando estar online — e os custos com hardware e infraestrutura de TI ficam muito menores. Isso permite construir e oferecer serviços (desde CRM a sistemas de gestão empresarial) bem mais dinâmicos, com manutenção e atualizações mais rápidas, e garante maior satisfação ao cliente final com menos trabalho para o time de desenvolvedores. Além disso, a precificação é diferente, já que a empresa não precisa mais pagar por uma licença ao comprar um pacote completo, mas assina o serviço e tem a liberdade de começar (e deixar) de pagar quando achar conveniente.

Neste post, explicaremos melhor como funciona o SaaS e por que essa modalidade deve estar no radar de toda empresa que busca inovar e oferecer serviços de forma ágil e de boa qualidade:

Por que o SaaS é um bom negócio para a sua empresa?

Manutenção e inovação

Como a infraestrutura encontra-se toda concentrada na nuvem, fazer upgrades torna-se muito mais simples. Ao poder atualizar o software para todos os usuários ao mesmo tempo, acaba a necessidade de lidar com a manutenção de versões mais antigas e o feedback é mais imediato, fazendo com que as melhorias possam ser feitas mais rápido e oferecendo uma melhor experiência de uso ao cliente final.

Simples e escalável

As condições de infraestrutura oferecidas por servidores na nuvem tornam o negócio escalável tanto pra o usuário quanto para a empresa, que pode usar MVPs para validar ideias e desenvolver novos produtos e serviços. Além de não requerer investimentos muito grandes em hardware, o SaaS não tem custos de instalação para o usuário, deixando o time de desenvolvimento com mais tempo para desenvolver e fazer upgrades no produto.

Baixo custo

Essa talvez seja a maior vantagem do SaaS e o motivo pelo qual ele tem sido utilizado com muita frequência por startups e empresas de TI como alternativa para o desenvolvimento de novos produtos e serviços. É muito mais simples e barato inovar com um software oferecido como serviço porque não há necessidade de investimentos de capital muito altos para desenvolvimento e manutenção. Esses custos menores tornam o SaaS um modelo muito mais competitivo.

Relacionamento com o usuário

Por ser um serviço mais dinâmico, o SaaS precisa desenvolver diferenciais competitivos que conquistem e mantenham os usuários utilizando-o por um período muito maior. Como as empresas podem investir mais tempo e esforço para garantir uma boa experiência ao usuário, o resultado é um serviço bem prestado e uma fidelização maior dos clientes.

Deu para entender melhor as vantagens do modelo SaaS? Está criando algum projeto que utilize Saas e quer ajuda de um especialista? Entre em contato conos da Vertigo Tecnologia, podemos te orientar nessa escolha! Ainda tem dúvidas, escreva ela aqui nos comentários e vamos conversar! Aproveite para assinar a nossa newsletter, assim você não  vai perder nenhuma dica e novidade aqui do blog!

Leia mais


5 vantagens de usar software open source

5 benefícios de software open source para o seu negócio Conforme o mundo dos negócios e as organizações governamentais se curvam à filosofia do open source, começa a ficar claro que as vantagens de adotar esse conceito não se restringem aos preços — e depois de ler este texto, você provavelmente se perguntará por que sua empresa ainda não “saiu do automático” para adotar essa solução. Diferente do que pensa o senso comum, o open source é uma filosofia alternativa de negócios e não apenas a disponibilização de softwares gratuitos. É importante ressaltar que o código do programa pode ser livre, mas não necessariamente gratuito. Conheça 5 vantagens de usar o open source na sua vida profissional.

Benefícios do open source no seu negócio

 

1 – Mais confiabilidade

Na aquisição de softwares de código fechado, tudo o que o cliente tem são as promessas dos fornecedores sobre o alto nível de segurança que envolve a aplicação. Não há, entretanto, como ter certeza de nada. Por outro lado, se ele tiver instalado em sua máquina um software open source, é possível conferir as linhas codificadas, detalhes da API (interface entre aplicativo e programação) e, assim, ter uma certeza maior do nível de confiabilidade do produto, afinal você saberá para onde as suas informações estão indo.

2 – Maior Interoperabilidade

Por se tratarem de produtos de empresas diferentes (muitas vezes, concorrentes), os softwares proprietários costumam ser pouco flexíveis na sua interação e compatibilidade com outras aplicações. Assim, quem valoriza a interoperabilidade de um software com computadores, sistemas e usuários, certamente se adaptará facilmente às vantagens do open source Mindset. Quando se usa um software open source, a liberdade para integrar  com outras sistemas ERP (SAP, Oracle, IBM e outros) e bancos de dados é maior.

3 – Fontes de suporte muito mais extensas

Nesse quesito, o open source software dá goleada em qualquer software proprietário: são milhares de comunidades de fãs da filosofia do código aberto, debatendo, oferecendo sugestões e auxiliando novos usuários na melhoria de sua experiência de usuário com os mais diversos softwares open source. O Linux é um exemplo de sistema de código aberto que conta com uma infinidade de documentações de excelente qualidade (linhas de programação, APIs, etc.). Tudo de graça e espalhado pela web.

4 – Liberdade de personalização

Embora o conceito de open source envolva manter a autoria do código fonte original, de posse dele é possível desenvolver novas aplicações que se adequem melhor às necessidades da sua empresa. A personalização do software acontece de forma mais rápida.

5 – Redução do Custo Total de Propriedade (TCO)

Na grande maioria dos casos, podemos afirma que o Open Source é mais barato do que o software proprietário, mas que queremos nesse post é mostrar a você que as vantagens de adotar o open source em seu negócio são inúmeras e que elas vão muito além do preço! Entendeu por que as empresas estão aderindo cada vez mais às políticas de open source? Nós da Vertigo Tecnologia usamos bastante soluções open souce! Ainda tem dúvidas sobre o assunto ou quer falar sobre alguma coisa? Deixe o seu comentário aqui no blog!

Leia mais


Canais

Assine a nossa newsletter:

   


Av. Rio Branco, 151, sala 1002 – Centro
Rio de Janeiro, RJ - Brasil
CEP 20040-911
+55 (21) 2232-0123